Dr.Otacilio Cassiano Neto

Dr.Otacilio Cassiano Neto

domingo, 10 de junho de 2012

Um jogo bastante movimentado de 4 gols, Croácia bate Irlandaanda



Croatas estrearam da melhor forma possível: goleada e futebol convincente (Foto: Getty Images)

Mandžukić foi o grande artilheiro da partida marcando dois gols (Foto: Getty Images)
Completando a primeira rodada do Grupo C, logo após o empate entre Espanha e Itália, as seleções da Croácia e Irlanda entraram em campo, no City Stadium, na Polônia, pela Euro-2012, promovendo um grande jogo. Destaque para a torcida irlandesa, que deu show nas arquibancadas mas não conseguiu segurar o ímpeto croata dentro de campo,
A Irlanda defendia uma série invicta de 14 jogos na temporada, mas quem começou a partida melhor foi o time do camisa 10 Modric. Com mais volume de jogo, a Croácia abriu o marcador logo aos dois minutos, através de cruzamento de Srna que contou com desvio na zaga antes de o atacante Mandžukić cabecear para o fundo das redes, no contrapé de Given.
A resposta veio aos seis minutos, com Duff chutando rente à trave direita, demonstrando como a Irlanda, mesmo sem muita organização, buscava controlar o meio de campo e dar cadência ao confronto. Com sucesso e melhor na partida no momento, os irlandeses chegaram ao empate em cabeçada de St Ledger, aos 19min, após cobrança de falta próxima da área.

No melhor estilo irlandês, St Ledge empatou a partida após cobrança de bola parada (Foto: Getty Images)
O resultado, porém, fez com que o cenário fosse alterado, com a Irlanda recuando e se fechando atrás enquanto a Croácia passou a controlar novamente o jogo. A resposta croata veio em dois lances posteriores, primeiro com Rakitic, aos 21min, e depois com Perisic, que soltou uma bomba e exigiu grande intervenção de Given, um minuto depois.

Javelíc aproveitou bem a vaga deixada pelo lesionado Olic (Foto: Getty Images)
Aos 33min, Srna abriu pela direita e tocou para Modric no meio, que arrematou de primeira direto nas mãos de Given; se o chute tivesse sido em um dos cantos da meta, era gol na certa. Passados dois minutos, a Croácia continuava chegando com mais perigo, agora com chute na entrada da área de Perisic sem deixar a bola tocar no chão. A superioridade croata seria recompensada aos 43min: Modric chutou de fora da área, a bola desviou na zaga de um lado para o outro, e no fim da confusão sobrou para Jelavíc botar novamente a Croácia à frente no placar.
Depois, Perisic foi até a linha de fundo e cruzou para Rakitic cabecear com bastante perigo, no último lance do primeiro tempo. Da mesma maneira como iniciou-se o jogo, a segunda etapa teve gol logo aos três minutos, de novo em cabeçada de Mandzukic. Desta vez, porém, antes de morrer no fundo das redes, a bola bateu na trave e voltou nas costas do goleiro: 3 a 1, azar de Given, sorte da Croácia.

O veterano Given não contou com a sorte e a bola bateu em suas costas antes de entrar no gol (Foto: Getty Images)
Os minutos seguintes foram de bombardeio à defesa irlandesa, mas sem alteração no placar. O Giovanni Trapattoni até tentou reverter a situação do confronto, colocando Walters no lugar de Doyle, assim como sacando Mc Geady para a entrada de Cox, mas de pouco mudou o panorama da partida.
A Irlanda passou a tomar conta das principais jogadas de perigo, mas sem muito sucesso, quem de fato assustou foi a Croácia num lance isolado, aos 31min, de Rakitic, que chutou de fora da área e quase marcou o quarto. Os croatas, inclusive, resolveram adotar uma postura defensiva, sem se preocupar em ampliar o resultado obtido. Quem buscava jogo era Andrews: o irlandês chegou com perigo aos 35min, em cabeçada entre a defesa adversária bem defendida por Given, e um minuto depois, em chute de longa distância sem sucesso.

Irlandeses lamentam mais um gol sofrido: derrota complica situação da seleção no equilibrado grupo C (Foto: Getty Images)
A goleada da Croácia a deixou na liderança do Grupo C, sendo seguida por Espanha e Itália, com a Irlanda na lanterna. A segunda rodada terá pela frente os croatas enfrentando a Itália, na próxima quinta-feira, às 13h (de Brasília), e Espanha e Irlanda no mesmo dia, às 15h45 (de Brasília).
FICHA TÉCNICA
IRLANDA 1 X 3 CROÁCIA
Local: Estádio Municipal de Poznan (POL)
Data e hora: 10 de junho de 2012, às 15h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Bjorn Kuipers (HOL)
Auxiliares: Sander van Roekel (HOL) e Erwin Zeinstra (HOL)
Cartão Amarelo: Andrews (IRL) Modric, Kranjcar (CRO)
Cartão Vermelho:
Gols: Mandzukic, 2′/1ºT (0-1); St.Ledger, 18′/1ºT (1-1); Jelavic, 42′/2ºT (1-2); Mandzukic, 3′/2ºT (1-3)
IRLANDA: Given; O’Shea, Dunne, St.Ledger e Ward; Duff, Andrews, Whelan e McGeady (Cox, 8′/2ºT); Robbie Keane (Long, 29′/2ºT) e Doyle (Walters, 8′/2ºT). Técnico: Giovanni Trapattoni.
CROÁCIA: Pletikosa; Strinic, Corluka, Rakitik (Dujmovic, 46′/2ºT) e Schildenfeld; Vukojevik; Srna, Modric, Perisik (Eduardo, 44′/2ºT); Jelavic (Kranjcar, 26′/2ºT) e Mandzukic. Técnico: Slaven Bilic.
fonte: JFC

Nenhum comentário:

Postar um comentário